5 lugares para fugir do Carnaval e curtir a natureza

Foto: André Dib

Chega fevereiro e todo mundo começa a se planejar para a folia, afinal, o carnaval é uma das datas mais celebradas no país! Mas e quem curte sair um pouco do roteiro de festas e prefere aproveitar o feriado para descansar e relaxar? Se você é dessa turma, vai gostar do nosso post. Elencamos 5 lugares para fugir do carnaval e curtir a natureza! Nesses destinos (todos dentro do Brasil), você conseguirá aproveitar o melhor do turismo de aventura e da fauna e flora local. Confira!

1. Chapada Diamantina

Protegida pelo Parque Nacional da Chapada Diamantina, a área tem cerca de 70 mil quilômetros quadrados e localiza-se no centro da Bahia. Explorar as paisagens do parque é o passeio preferido dos visitantes. Nas trilhas, é possível apreciar os dois cartões-postais da região, a Cachoeira da Fumaça (uma das maiores do Brasil, com 340 metros de queda) e o Morro do Pai Inácio (esse fica fora da área do parque), com 1.120 metros de altitude, além de grutas, cânions, platôs e outras formações rochosas.

Para quem gosta de explorar grutas, a Torrinha é a mais famosa, mas é preciso fazer uma visita guiada. O passeio dura entre uma hora e uma hora e meia, e, em alguns trechos do percurso, é preciso andar abaixado. Outro atrativo da Chapada Dimantina é a flutuação no Poço Azul, permitida em algumas áreas. Também é preciso de orientação profissional para fazer esse passeio. A profundidade das águas cristalinas chega a 16 metros. Aventura total.

2. Jalapão

Ainda pouco explorado pelo turismo, o Parque Estadual do Jalapão, no Tocantins, é o lugar ideal para quem quer fugir das praias e acampamentos lotados. De difícil acesso, fica situado no leste do Tocantins, e seus 34 mil km² de área fazem fronteira com a Bahia, o Piauí e o Maranhão. Para chegar, é preciso voar até o aeroporto de Palmas, capital do Tocantins, e depois pegar um carro até o parque.

A paisagem local mistura dunas de areia alaranjadas, rios, riachos, cachoeiras e lagoas de água cristalina, além de chapadões de até 800 metros de altura. A densidade populacional é muito baixa, as estradas não são asfaltadas, e é provável que você perca o sinal do celular com facilidade. A dica, aqui, é realmente curtir o que de melhor a natureza tem a oferecer, e esquecer um pouco da vida online.

As principais atrações são as dunas de areia, cartão-postal do parque, e as cachoeiras da Velha (com queda de mais de 15 metros de altura) e da Formiga. Para quem gosta de aventura, um dos passeios mais procurados é o rafting no Rio Novo.

3. Pantanal

Patrimônio Natural Mundial pela Unesco, o Pantanal é uma das áreas de conservação brasileiras mais ricas em diversidade de animais e plantas. Uma das melhores maneiras de conhecer a área é percorrer a Estrada Parque. São cerca de 120 quilômetros, entre os municípios de Corumbá e Miranda. No trajeto, é possível observar jacarés, capivaras, tamanduás, macacos e outras espécies nativas. O passeio pode ser feito com guia ou por contra própria, de carro. Os visitantes encontram pousadas e restaurantes ao longo do caminho, inclusive.

Os passeios de barco são outro atrativo do Pantanal. Tem opções para todos os gostos: de barcos a remo a embarcações luxuosas, mas o bacana mesmo é fechar um tour com os barqueiros pantaneiros, pois eles já conhecem a região e podem percorrer trechos onde é mais fácil encontrar e observar os animais. Geralmente, esses passeios são contratados nos hotéis. Se for possível, organize um horário em que você possa assistir ao pôr do sol enquanto navega.

4. Lençóis Maranhenses

Imagine uma paisagem de imensas lagoas de água doce em meio a uma imensidão de areias brancas. É o que você vai encontrar nos Lençóis Maranhenses, uma das regiões mais belas do país. Os passeios por lá podem ser feitos de barco ou de jipe, e o objetivo da viagem é contemplar a natureza, relaxar e se refrescar nas águas cristalinas.

A principal atração é o Parque Nacional, área de aproximadamente 150 mil hectares, com dunas que chegam a 40 metros de altura, lagoas e praias, além de aves migratórias que, durante alguns meses do ano, complementam o cenário. As trilhas são de areia, e não há sinalização. Por isso, é interessante fazer as caminhadas acompanhado de um guia.

A visita às lagoas Azul e Bonita são outra atração bastante conhecida. Tire pelo menos um dia para visitar cada uma, por conta do calor. Vale a pena também esperar para ver o pôr do sol deslumbrante.

5. Bonito

Considerada a capital do ecoturismo no Brasil, Bonito, no Mato Grosso do Sul, atrai milhares de viajantes todos os anos em busca dos passeios de trilha, mergulhos, visitas às grutas e banhos de cachoeira. Uma das principais localidades é o Rio da Prata, famoso por suas águas cristalinas. O passeio mais conhecido é a chamada “flutuação”: o turista pode flutuar pelo percurso, enquanto observa o fundo do rio, com sua diversidade de plantas e animais aquáticos. O bacana é que você se sente como se estivesse dentro de um aquário gigante e aberto, com espécies como o dourado e a piraputanga.

Outro programa super conhecido é a visita à Gruta Azul, um dos principais cartões-postais da cidade. Localizada a 20 quilômetros do centro, é preciso fazer uma trilha de cerca de 150 metros na mata para chegar até ela. Depois, uma escadaria conduz até a gruta. A visão é de um lago com águas azuladas, e cuja profundidade estaria em torno de 90 metros. O teto e o piso da gruta são repletos de espeleotemas (formações rochosas que são resultado da sedimentação e cristalização de minerais dissolvidos na água).

Lugares para fugir do carnaval e curtir a natureza não faltam no Brasil! Com um pouco de planejamento, dá para viajar tranquilamente para esses destinos, e aproveitar o feriado para relaxar, descansar a mente e o corpo, e voltar para a rotina com as energias recarregadas!

Se você se interessou por este post, leia também o nosso texto sobre 5 lugares para curtir uma viagem de autoconhecimento!

Tags:
Blog Comments

Lencóis ainda dá para fazer um kite!!!! é para lá que eu vou!!!
abs

Deixe um comentário

Share This